Pâmela Gama da Silva, sobrevivente da chacina da Vila Valqueire, é expulsa de velório de vítima

By | April 15, 2013

chacina no valqueireFonte: Jornal Extra

O velório de três dos quatro mortos numa chacina do Rio ocorreu na tarde deste domingo. Um dos dois sobreviventes, Pâmela Gama da Silva, de 23 anos, praticamente foi expulsa do Cemitério Municipal de São Pedro da Aldeia, na Região dos Lagos. Ela foi retirada por um parente do local. A animosidade partiu dos familiares de Willians de Souza Preiera, um dos mortos que serão enterrados na cidade. Willians, de 45 anos, é casado com a avó de Pâmela. Também serão enterrados no cemitério Pablo Gama da Silva, de 20 anos, irmão de Pâmela; e Douglas Santos da Silva, de 19 anos, amigo dela.

O motivo da revolta foi porque a chacina ocorreu depois que Pâmela reuniu um grupo de cinco pessoas (quatro familiares e um amigo) para ir cobrar uma dívida numa concessionária de Vila Valqueire. Pâmela estava tentando reaver, desde o ano passado, um sinal de R$ 2 mil dado para a compra de um Celta 2004. O nome da concessionária é Miguel Veículos. O gerente dessa agência está preso na Delegacia de Homicídios (DH), suspeito de ser o mandante do crime.

Segundo presentes que estavam no velório, o clima no local não estava bom para Pâmela. Alguns deles disseram que Pâmela teria dito aos bandidos que não conhecia o grupo, quando todos foram abordados numa outra agência de carros para onde tinham se deslocado.

– Ele morava em Niterói, com a esposa, que passou mal e está internada. Nós não sabíamos desse assunto de dinheiro, fomos pegos de surpresa com a notícia. O que me revolta é que, pelo que soube, a Pâmela mentiu dizendo que não os conhecia. Agora é meu irmão que está morto. Ele nem é parente dela. Cresceram juntos, moram perto, têm consideração por ela, mas não era parente – disse Deizemar de Souza Pereira, de 50 anos, irmã de Wllians de Souza Pereira, morto na chacina.

Os enterros na cidade aconteceriam neste domingo, mas os parentes das vítimas só conseguiram as liberações das documentações no final do dia. A quarta vítima, Taylor Vinicius Pires da Silva, de 15 anos, que seria um sobrinho da namorada de Pâmela, também foi assassinado. Ele foi enterrado no Cemitério do Caju, neste domingo.

 



 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *