Moradores do Bateau Mouche que tem relação com o tráfico estão escondidos em casas da comunidade

By | September 21, 2013

Morador que foi revistado em operação e liberado, por isso seu rosto foi desfocado

Morador que foi revistado em operação e liberado,
por isso seu rosto foi desfocado

Rio – Depois da operação do COE nas comunidades de Jacarepaguá, traficantes oriundos do Complexo do Lins e de outras comunidades como o Jacarezinho esconderam-se na mata ou fugiram dentro de malas de carro ou caminhões de entrega, alguns talvez tenham tido uma pequena ajuda oficial do Batalhão da área.

Os moradores do Bateau que tem relação com o Comando Vermelho ainda estão escondidos na comunidade, fontes sigilosas informam que estes jovens aprendizes de criminosos que auxiliaram os traficantes de verdade a tomar a favela, estão em casas de parentes ou na casa de moradores inocentes que foram coagidos a dar abrigo aos aprendizes de bandidos.

Seria interessante que os setores de inteligência das polícias fizessem uma varredura nas casas de parentes e amigos dos jovens aprendizes para conseguir tirá-los de circulação. Não custa dizer mais uma vez que alguns moradores estão sendo coagidos a dar abrigo a estes marginais, portanto, todo cuidado é pouco, o morador honesto da comunidade é sempre um refém do tráfico.

 



 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *