Funcionários do Degase pedem melhores condições de trabalho e igualdade salarial com a Seap

By | July 18, 2013

degase-palacio-guanabaraFonte: Jornal do Brasil

Um novo protesto ocorreu nesta quinta-feira em frente ao Palácio Guanabara, na Rua Pinheiro Machado, Zona Sul do Rio. Desta vez, funcionários do Departamento Geral de Ações Socioeducativas (Degase) fizeram uma passeata pedindo equiparação salarial com os servidores do sistema penitenciário.

Panfletos distribuídos pelos manifestantes revelaram a indignação da categoria com o descaso do governo estadual. Eles explicam que o Degase é a Febem do Rio, mas o governo alega que eles nada têm a ver com o sistema penitenciário.

Os panfletos explicam que todas as unidades com internos possuem muros com mais de três metros e arame farpado, além de guaritas com PMs armados. “Os agentes usam armas não letais para conter tumultos e respondem a inquérito quando ocorre uma fuga de um menor infrator. O Degase usa camburões para transporte dos adolescentes e os diretores têm carros blindados fornecidos pelo Estado, tal qual a Segurança Pública”, dizem.

“Se somos tão parecidos com o sistema penitenciário porque não nos dar o mesmo tratamento salarial?”, questionam.

Em nota, a direção do Degase informou que os servidores receberam aumento salarial de 8% em junho, e também já foram autorizados os auxílios transporte e alimentação, cujos pagamentos ocorrerão em agosto e outubro.

Segundo a nota, o Novo Degase vem, desde 2009, consolidando um processo de realinhamento institucional, com “avanços significativos, reconhecidos inclusive pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ)”.

Foto: Douglas Shineidr / Jornal do Brasil

 



 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *