Foto de vagabundos da Covanca motiva operação e PM do Bope morre em tiroteio

By | September 20, 2013

subtenente-marco-antonio-grippFonte: R7

Um policial militar do Bope (Batalhão de Operações Policiais Especiais) morreu na manhã desta sexta-feira (20) durante operação no morro da Covanca, em Jacarepaguá, na zona oeste do Rio de Janeiro, segundo informou a Polícia Militar. Segundo a PM, o subtenente Marco Antônio Gripp morreu em troca de tiros com criminosos. Outros dois PMs ficaram feridos.

Segundo a corporação, o objetivo da operação era combater o tráfico de drogas e de armas após a divulgação de fotos de traficantes exibindo fuzis na internet em um campo de futebol na comunidade (ver abaixo).

O porta-voz do Bope, major Ivan Blaz, disse que a quadrilha estava morando em uma área de mata, cuja localização é estratégica para o tráfico por dar a acesso a regiões como Tijuca, Méier, Quintino e Praça Seca. Ele definiu a ação como “uma missão fundamental para a segurança do Rio”.

— [A operação] não tem data para acabar. Queremos tirar esses marginais de circulação hoje.

Segundo Blaz, houve um intenso confronto com os criminosos quando o Bope chegou à essa área de mata fechada. Por volta das 13h, ele informou que a polícia vasculhava a área, onde dois fuzis, uma espingarda calibre 12 já haviam sido apreendidos.

Ele também informou que o corpo do segundo homem da hierarquia do tráfico na Covanca, conhecido como Xuxa, foi encontrado pelos policiais.

Matéria da Record

 

traficantes-da-covanca-3
Clique para aumentar

 



 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *