Após humilhar garçom, desembargador Dilermando Motta vira alvo de críticas nas redes sociais

By | January 3, 2014

Fonte: O Povo Online

Após se envolver em uma discussão dentro de uma padaria localizada em Natal, o desembargador Dilermando Motta, do TJ (Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte) se tornou alvo de críticas nas redes sociais. Ele está sendo acusado de ter humilhado um garçom do estabelecimento.

 

desembargador-dilermando-motta

 

O conflito aconteceu no último domingo, 29, durante o café da manha da padaria Mercatto, na zona sul da capital potiguar. De acordo com Azevedo, empresário que estava em uma mesa ao lado de Motta, o desembargador ficou irritado porque o garçom não colocou gelo em seu copo e gritou com o funcionário na frente dos outros clientes.

O empresário, então, decidiu intervir em defesa do garçom. Vídeos que registram o momento foram publicados no Youtube por testemunhas. Nos registros, Azevedo aparece exaltado enquanto grita com o desembargador e o chama de “safado” e “sem vergonha”. O magistrado responde chamando-o de “cabra safado” e “endemoniado”.

Dilermando, no entanto, nega a agressão. Em nota divulgada pelo TJ-RN, ele afirma que não houve abuso de autoridade e nega ter humilhado o garçom. “A verdade é que um simples e moderado pedido de esclarecimentos de um cliente a um garçom, que já havia sido solucionado, gerou uma reação de um terceiro com ameaças, gritos e total desrespeito ao público presente”, explicou.

No momento da discussão, o desembargador convocou a Polícia Militar, que deslocou quatro carros para o estabelecimento. Ainda segundo Azevedo, o desembargador chegou a ofender os policiais, chamando-os de “um bando de cagão”, pois estes não levaram o empresário até a delegacia.

A assessoria de imprensa da padaria Mercatto lançou uma nota lamentando o ocorrido e declarando que a empresa “está oferecendo todo o suporte necessário ao funcionário envolvido”.

Vídeo da discussão

 



 

One thought on “Após humilhar garçom, desembargador Dilermando Motta vira alvo de críticas nas redes sociais

  1. pamaso

    parabéns para esse empresário que defendeu o garçom, quanto esse desembargador, nota zero.

    Reply

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *